Portal da Cidade Jacarezinho

Industria

Vereadores que rejeitaram projeto de lei para o Parque Industrial em Jacarezinho

Recursos na ordem de R$ 3,5 milhões do Estado financiaria obras para gerar mais de 600 empregos diretos

Postado em 26/11/2019 às 22:00 |

Da esquerda pra direita: Pastor André, Chiquinho Mecânico, Zola e Nascimento (Foto: Reprodução / Portal da Cidade)

Na sessão ordinária desta segunda-feira (25), a Câmara Municipal rejeitou o projeto do prefeito Sérgio Eduardo Emygdio de Faria (DEM), Dr. Sérgio, onde o município pedia autorização para contratar um financiamento junto ao Governo do Estado de forma a viabilizar a construção da infraestrutura no Distrito Industrial III, às margens da BR-153.

O projeto foi rejeitado por 4 votos contra 3, veja:

Vereadores que votaram contra:

  1. Sidnei Francisquinho (Chiquinho Mecânico)
  2. André de Sousa Melo (Pastor André)
  3. José Izaías Gomes (Zola)
  4. Luiz Carlos Nascimento (Nascimento),

Vereadores que votaram a favor:

  1. Diogo Biato,
  2. Edilson da Luz
  3. Patrícia Martoni

O vereador Luiz Carlos Nascimento, na ausência do presidente da Casa, Fúlvio Boberg, presidiu a sessão e exerceu o voto de desempate (minerva). 

Segundo expectativas, o Parque Industrial III de Jacarezinho, permitiria a instalação de, pelo menos 60 empresas, com previsão de geração de mais de 600 empregos diretos.

O projeto de lei cuja autorização legislativa não aconteceu, era para a contratação de operação de crédito junto à Agência de Fomento do Paraná com vistas à implantação de infraestrutura necessária para o funcionamento do Distrito Industrial III. 

O financiamento de R$ 3,5 milhões financiaria obras de drenagem, redes de água, esgotamento sanitário e energia elétrica, bem como pavimentação e iluminação pública.

A área, com 113 mil metros quadrados, está localizada no trevo de acesso à Avenida Brasil, saída para Santo Antônio da Platina, e o loteamento já está registrado no Cartório de Registro de Imóveis. 

Fonte:

Deixe seu comentário